CARREGANDO

O que você procura

Geral Portal de Jornalismo ESPM RJ

Um bom programa para o fim de semana: visitar a exposição gratuita “DreamWorks, uma jornada do esboço à tela” no CCBB

Compartilhar

A amostra gratuita no centro do Rio de Janeiro conta com mais de 400 objetos de acervo da Dreamworks Animation Studios, produtora de filmes como “Shrek”, “Kung Fu Panda”, “Madagascar” e “Como Treinar Seu Dragão”. A exposição traz a preparação de 35 longas da produtora, desde “Formiguinhaz”, de 1998, até “Capitão Cueca, O FIlme”, de 2017.

“A DreamWorks Animation: A exposição – Uma jornada do esboço à tela” já foi vista em sete países e ocupa o Centro Cultural Banco do Brasil desde 6 de fevereiro até o dia 15 de Abril. Essa já é a Terceira exposição mais visitada do CCBB, e recebe em média 10500 pessoas por dia, ficando atrás apenas da Mostra Surrealista em 2001 e  ‘Arte da África’ em 2003.

A exposição é dividida em 4 partes. O primeiro espaço é dedicado à criação dos personagens, com projeções, maquetes e desenhos. Estão expostos, por exemplo, rascunhos do protagonista ‘Shrek’, que mostram um personagem nada semelhante com o que conhecemos hoje. A segunda parte está voltada para a história, o que os personagens criados irão viver.

Na terceira e última parte, estão expostas as realidades dos personagens e do ambiente. Neste momento estão as pesquisas para a construção dos cenários do Kung Fu Panda e também as maquetes do Shrek. O animador e ilustrador da Dreamworks Studios, Ennio Torresan Jr., conta que os ambientes têm cores padronizadas, seguindo a mesma linha de tons. De acordo com ele, “as cores interferem nas emoções”.

Durante toda a exposição, o público consegue entrar no universo fantástico de ogros, dragões, fadas e trolls. Logo no térreo do CCBB, com uma projeção 3D, é possível simular o vôo nas asas de dragões, além testar ser animador ao criar o seu próprio curta animado. Os  vídeos de animadores imitando os personagens para ter noção do resultado final e mesas com rascunhos e anotações mostram parte do processo de criação das histórias. “A mesa é assim mesmo, a gente fica tentando desvendar a história do filme”, diz Ennio. Apaixonado pelo mundo da animação há mais de 30 anos, ele já não consegue separar o que é DreamWorks Studios dele, “esse é meu mundo, eu vivo num mundo de história”.

Reportagem: Diana Campos e Yasmim Ribeiro

Tags:

Você pode gostar também

7 Comentários

  1. Vanessa Cristina 29 de março de 2019

    Parabéns pela excelente materia

    Responder
  2. Daniel 29 de março de 2019

    Legal, deu vontade de visitar

    Responder
  3. Leila Vogel dos Santos 30 de março de 2019

    Muito boa dica!! Com certeza, ENCANTADORA!!

    Responder
  4. Alba 30 de março de 2019

    Excelente matéria! Ótimo texto!

    Responder
  5. Paulo Henrique 30 de março de 2019

    Ótima matéria. Levarei meus filhos para exposição. Conteúdo informação excelente.

    Responder
  6. Maria Luisa Silva Amaral 30 de março de 2019

    A matéria, me levou a criar, mentalmente, todo cenário. Não perderei essa exposição, com certeza! Grata!

    Responder
  7. Flávia Amaral 30 de março de 2019

    Ótima dica e matéria!

    Responder

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *