CARREGANDO

O que você procura

Destaque Geral

Dia da Língua Portuguesa: o incentivo à cultura na quarentena

Compartilhar

O dia da Língua Portuguesa é celebrado hoje, dia 5 de maio. Como de costume, o Museu da Língua Portuguesa comemora esta data com eventos e atrações. No entanto, com o distanciamento social, a programação será totalmente online e conta com três dias de apresentações, sendo hoje, o último. No domingo (03), além das tradições africanas e indígenas, foi discutida a cultura LGBT. Na segunda (04), teve apresentação de músicas africanas e de rap. Nesta terça (05), houve performance de dança, bate-papo sobre a relação musical Brasil-Angola e roda de poesia.

Para ressaltar a importância da língua portuguesa, o Portal entrevistou a pedagoga e professora de português, Luana Bonafinna. Além de seu interesse pelo ensino, Luana está terminando de cursar a faculdade de Letras, com o intuito de aprimorar seus conhecimentos.

Portal: Hoje é o dia da Língua Portuguesa. Qual a importância deste dia para a cultura brasileira?

Luana: Acredito que seja importante para refletirmos sobre a importância e influência dessa língua no mundo. É o dia de pararmos para pensar em todos os países que falam português e a influência histórica de Portugal, na colonização do nosso país.

Portal: O Museu da Língua Portuguesa preparou uma programação online para comemorar. Qual o impacto deste evento na vida dos brasileiros?

Luana: O Museu da Língua Portuguesa por si, já é um grande marco do nosso idioma, mostrando a sua importância. Acredito que com a divulgação, serão eventos culturais riquíssimos, para alegrar esse momento de quarentena e apreciarmos o que temos de bom no nosso Brasil, lembrando essa importante data.

Portal: Qual a sua opinião em relação ao incentivo à cultura em meio à pandemia do coronavírus?

Luana: Diante dessa situação social em que estamos vivenciando, onde precisamos ficar em casa, o incentivo cultural está cada dia maior. Muitas pessoas que não tinham conhecimento e acesso estão tendo oportunidades mais igualitárias. Espero que possamos manter essa troca cultural gratuita para todos, depois que tudo isso passar. Manter a mente sã é fundamental para a imunidade.

Portal: Como está sendo o ensino a distância? Quai são as maiores dificuldades?

Luana: Com a quarentena, todos tivemos que nos reinventar. Foi um grande desafio, mas a cada dia mais gratificante. Infelizmente as escolas públicas não tiveram esse mesmo sucesso, já nas escolas particulares, está sendo trabalhoso mas prazeroso, ver o rostinho de cada aluno, poder escutar as vozes, não tem preço. Precisamos tomar cuidado com os excessos e as faixas etárias, para que não vire algo negativo na vida dos alunos.

Portal: Com as novas tecnologias, como a língua portuguesa se distancia da linguagem tradicional?

Luana: A tecnologia veio para auxiliar, acrescentar, mais ferramentas para o ensino. Ela não substitui o tradicional, apenas completa. O que mais precisamos tomar cuidado é com a escrita de palavras e o modo como falamos.

Portal: Além disso, como essas tecnologias auxiliam no aprendizado dos estudantes?

Luana: A tecnologia é uma grande ferramenta para o ensino, onde apresentamos mais recursos aos alunos, aulas mais dinâmicas e interativas. Está sendo de suma importância para o ensino a distância.

Portal: Como podemos incentivar o estudo da língua portuguesa em meio à quarentena? 

Luana: O maior incentivador da continuidade dos estudos, tem sido as escolas. Através de leitura, jogos e vídeos, podemos nos aproximar mais da nossa língua e aprimorar a nossa escrita. Sendo assim, ocupamos a nossa mente, com conhecimentos enriquecedores.

Reportagem: Bruna Barros, Gabriel Lorenzo, Leo Garfinkel, Lucas Geia, Paola Burlamaqui e Ricardo Ferro

Supervisão: Maria Luísa Martins

Tags:

Você pode gostar também

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *