CARREGANDO

O que você procura

Destaque Geral

Skincare na era da influência digital

Compartilhar

O skincare é a prática de reservar um tempo da rotina diária para a realização de cuidados com a pele. Esse hábito, que prioriza a utilização de alguns produtos para obter uma pele saudável, aumentou bastante com a pandemia. Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC), os artigos voltados aos cuidados com a pele tiveram um crescimento de 161,7% nas vendas entre janeiro e outubro de 2020, em comparação ao mesmo período de 2019. 

Dados do Ministério da Economia e da Secretaria de Comércio Exterior demonstram que o mercado nacional de produtos de beleza é bem sucedido, considerando que o Brasil está no quarto lugar do ranking mundial dos países que mais consomem esse tipo de mercadoria. Além disso, está atrás apenas dos Estados Unidos e da China como destaque de lançamentos no mercado global, exportando para 174 países. 

Na era digital, um fator importante que fortaleceu o sucesso em relação à prática do skincare foi o surgimento de influenciadores da área. Além de criadores de conteúdo, alguns também são dermatologistas. A Dra. Caroline Aguiar, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, é um exemplo disso. Ela afirma que sempre gostou de usar as redes sociais e, ao descobrir o aplicativo TikTok, passou a criar conteúdo, por acreditar ser um espaço interativo. “Pensei: que tal utilizar esse aplicativo para levar informação sobre dermatologia de forma criativa e mais acessível?”, destaca a médica, que já tem mais de 110 mil seguidores na plataforma digital. 

Os usuários buscam a indicação de produtos específicos para o rosto que podem ajudar no tratamento de alguns problemas dermatológicos que, muitas vezes, incomodam as pessoas, como é o caso da acne. Essa doença foi o que levou a estudante Ingrid Aleixo, de 21 anos, a cuidar da pele. A jovem explica que a prática de skincare faz parte do seu dia a dia há cinco anos. “A pele não mostra resultados imediatos, então manter a rotina é fundamental para que os produtos façam o efeito desejado”, diz Ingrid.

A estudante comenta que acompanha criadores de conteúdo sobre cuidados com a pele e que essas pessoas a motivam a continuar com seu tratamento, que, além de ser essencial para acabar com sua acne, é algo fundamental para sua autoestima. “Me sinto muito mais segura para sair sem maquiagem, porque considero minha pele boa atualmente.”, relata Aleixo.

Além do quesito estético, a skincare tem se tornado tão popular nos últimos tempos por ser uma oportunidade de autocuidado durante uma rotina caótica. Ingrid conta que esse se tornou um momento prazeroso de seu dia. “Sinto que estou cuidando não só da pele, mas de mim”, explica. Com seguidores cada dia mais em busca desse momento consigo mesmo, a dermatologista chegou a mais de um milhão de likes em seus vídeos e demonstra estar muito feliz com o reconhecimento e feedback positivo que vem recebendo. “Eles falam que adoram o meu conteúdo, aprendem muito e seguem as minhas dicas”.

Entretanto, é importante destacar que a consulta com um dermatologista é necessária antes de comprar produtos indicados por influenciadores que não são médicos. Muitas vezes, os relatos nas redes sociais são experiências próprias e o que pode servir para alguns tipos de pele, não é bom para outros. Como há uma gama enorme de produtos no mercado, Ingrid afirma que usa somente os recomendados por sua dermatologista. Sendo assim, a Dra. Caroline ratifica que, quando não há consulta com um especialista, “a chance de o tratamento não fazer efeito ou ter complicações, como dermatites e alergias, é muito maior.”

 

Reportagem: Thaís Soares | Vivian Valente

Supervisão: Brenda Barros

Tags:

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *